Um casal e muitas dúvidas para sua viagem por Lisboa, Madri, Barcelona e Paris



Thierri enviou:

Olá Rogério! Minha esposa e eu vamos a Lisboa, Madri, Barcelona e Paris em março de 2012. Pretendemos ficar 16 dias. Qual o melhor tipo de hospedagem para não se gastar muito? Qual o melhor meio de locomoção? Quantos dias em cada cidade? Quais outras cidades podemos conhecer? Leve em consideração que não falamos inglês fluentemente…
Obrigado! 
Thierri

—————————————————–

Olá Thierri, tudo beleza?!

Show de bola este roteiro. Ótimas cidades e bem próximas uma da outra, o que facilita no deslocamento e se perde pouco tempo nas viagens.

Sugiro duas opções para dividir estes 16 dias entre as cidades do teu roteiro:

Opção 1 

  • Lisboa – 4 dias
  • Madri – 4 dias
  • Barcelona – 4 dias
  • Paris – 4 dias

Opção 2

  • Lisboa – 3 ou 4 dias
  • Madri – 3 ou 4 dias
  • Barcelona – 3 ou 4 dias
  • Paris – 5 dias
Para escolher entre uma opção ou outra vai depender bastante do estilo de vocês, da cidade que mais gostariam de conhecer, do interesse de cada um. Por isto estas duas opções são apenas uma sugestão. Se o que vocês sonham é conhecer Paris, por exemplo, poderiam definir ficar por lá uma semana inteira!
Acredito que não sobrará tempo para outras cidades. Mas se lá pelo terceiro ou quarto dia pintar vontade de dar uma escapada para conhecer outros lugares, em Lisboa seria uma boa alugar um carro e conhecer algumas cidades próximas como Sintra, Cascais, Óbidos ou até um bate-e-volta para alguma cidade do Alentejo. De Madri uma boa pedida é passar o dia em Toledo. De Paris, pegando um trem, é rapidíssimo para chegar a Versailles, Vincennes, Reims ou Nancy.
Se a ideia é economizar bastante, a melhor pedida é hostel (albergue). Para quem nunca se hospedou em um, vale a descoberta. Há hostels muito melhores que hotéis e com diárias bem mais em conta. O segredo aqui é sempre ficar numa região mais central, próxima dos pontos turísticos, e reservar quartos com cama de casal e banheiro privativo. Lisboa é hoje uma das cidades com os melhores albergues do mundo! Mas é sempre bom comparar com os valores de hotéis, antes de decidir. A melhor pedida é utilizar o site da Booking.com para procurar e reservar albergues e hotéis. Tanto Lisboa quanto Paris são bem servidos pelos bons de preço Ibis e Etap, da rede Accor Hotels. Também sugiro consultar o post Hotéis Recomendados, com boas indicações de hotéis e albergues em Paris, Lisboa, Madri e Barcelona.

Para se locomover entre estas cidades o ideal é utillizar duas ótimas ferramentas: o site Rail Europe para conferir rotas, horários e reservar tickets ou passes de trem, e o site Skyscanner, para cotar os voos. Com estes dois sites você optará pelo que for mais conveniente para vocês: custo ou tempo. Melhor ainda quando o voo ou o trem é o mais rápido e também o mais barato. Uma boa sugestão é fazer o trajeto Madri-Barcelona com o AVE, o trem de alta velocidade que leva menos de 3 horas e viaja a impressionantes 300 km/h.

Mas fiquem ligados numa regrinha básica antes de optar por trem ou avião: os trens partem e chegam no centro da cidade. Já o aeroporto é mais afastado. Então sempre calculem duas horas a mais para a ida ao aeroporto e check-in e outras duas horas para a chegada até o centro ou hotel. E mantenham-se bem atentos às regras das companhias aéreas low-costs, principalmente a Ryanair, que tem bastante pegadinhas e poderá acabar saindo mais caro do que voar por uma companhia normal.

Thierri, com um pouquinho de conhecimento de inglês já dá para se virar muito bem, principalmente em Paris. Já Lisboa, Madri e Barcelona, o português e o “portunhol” serão suficientes. Fica tranquilo!

Caso tenha mais dúvidas, já sabe onde chamar! Estou à disposição!

Um grande abraço e ótimo planejamento!


60 Ways To Save In  Paris - Paris Pass, Buy Now
Esse post foi publicado em Aviação, Barcelona, Dúvida do Leitor, Espanha, França, Hospedagem, Lisboa, Madri, Organizando sua Viagem, Paris, Portugal, Transporte, Trem. Bookmark o link permanente.
  1. Tânia disse:

    Olá Thierri e Rogério, desculpem estar-me a meter, mas sendo portuguesa, não podia deixar passar esta oportunidade de comentar. Quanto às outras cidades não vou comentar porque não tenho experiência suficiente, mas quanto a Lisboa (embora também só recentemente a conhecer melhor) posso dar algumas dicas, como por exemplo, enquanto andar por Lisboa, desloque-se sempre que puder de metro, é facil pratico e barato, têm aqui o mapa com mais informações (http://www.metrolisboa.pt/Portals/0/MapaCidade2009.pdf), contudo dê a voltinha tipica no electrico 28, no que não conseguir ir de metro.

    Em Lisboa há locais mesmo obrigatórios, como Baixa-Chiado, Restelo, parque das nações, mas há muito muito mais para ver, (pessoalmente, e é mesmo gosto pessoal, aconselhava em Lisboa a dedicar um dia a Sintra embora haver muitas outras cidades para ver, acho que esta é a mais acessível em distância para o tipo de viagem que pretendem, podem ir de comboio bem rapidinho e barato.)

    Hum.. que posso dizer mais… alojamentos à mais que muitos, quanto a preços não estou muito dentro, mas sei que abriu recentemente um mesmo dentro da estação de Comboios do Rossio o que o torna muito acessível em questões de deslocações, mas não garanto mesmo nada porque não conheço…

    Bem, termino dizendo que se puder ajudar em mais alguma coisa é só contactar!

    ps: quanto à Língua, Português cá é mesmo o mais indicado! :P

  2. Rogerio disse:

    Oi Tânia! Muito obrigado pelas tuas dicas! E muito bem lembrada a questão do transporte. Devemos usar e abusar do transporte público como ônibus, trens e metrôs, pois eles funcionam muito bem e são bem baratos mesmo.

    E fica sempre bem à vontade para enviar suas dicas e sugestões, ok?!

    Abraços!

  3. Sheila disse:

    Olá pessoal. Eu visitei essas 4 cidades em 2008. Em Portugal e na Espanha não tive problemas pra me comunicar em português mesmo. Já em Paris, o inglês até é compreendido, mas me pareceu que os parisienses tem uma resistência em falar inglês. Eles sabem, mas não querem falar. Em várias oportunidades eu perguntava algo em inglês e ouvia a resposta em francês. Ai ficava esperando uma nova resposta e ela vinha, em inglês. Aconteceu numa padaria, e num banco.
    Dizem que se você começa a frase com uma saudação em francês, um bom dia, boa tarde, ou por favor, eles já te tratam bem melhor. Eu não sabia nada, e também não sou fluente em inglês. Mas como a viagem de vocês é só em março, acho que não custa dar uma olhadinha nisso.

    []’s

  4. Thierri Silva disse:

    Rogerio e Tânia, muito obrigado pela dicas. obrigado por me ajudar a conhecer e ficar mais por dentro. Rogerio provavelmente irei optar pela 1 opção, ou talvez abdicar de conhecer Barcelona e dar mas atenção as outras 3 cidades podendo passar mais dias nelas. E Tânia, muito obrigado pela suas dicas a respeito de Portugal e Lisboa.

    Agradeço aos 2 pela ajuda, e qualquer duvida a mais, tornarei a entrar em contato.

    Atenciosamente
    Thierri Silva

  5. Rogerio disse:

    Oi Sheila, tudo bem?! Você tem toda razão… Muitos franceses torcem o nariz para quem não inicia o diálogo com pelo menos o bonjour (olá), ça va (como está), salut (salve), s’il vous plaît (por favor), excuse moi (com licença), pardon (desculpe) e outras salvações básicas. E sempre finalizar com um merci beaucoup (muito obrigado). Isto já faz uma diferença enorme e você arranca um sorriso do seu interlocutor, pois percebem que ao menos você está se esforçando para ser gentil.

    Como Thierri e sua esposa terão tempo até a viagem, vale fazer umas aulinhas de francês para pegar pelo menos o básico. Aprender sempre é válido!

    Valeu pelas dicas Sheila! Espero que siga este blgo e dè seus pitacos e sugestões sempre que puder, ok?!

    Abraços!

  6. Rogerio disse:

    Grande Thierri! Precisando é só chamar!

    Abraços!

  7. Thais disse:

    Olá Rogério.. Adorei muito o blog.. está me ajudando bastante
    Vou para Bristol com meu namorado estudar 1 mês de Inglês… Iremos ficar no total 6 semanas em Bristol. Vamos ter 1 semana livre antes de começar o curso e 1 semana também após o término do curso. Aos finais de semana, e nessa semana que temos após o fim do curso, queremos conhecer alguns lugares da Europa, o que você recomenda? Vamos chegar dia 25 de janeiro. E embarcamos para o Brasil dia 02 de março.
    O que mais me deixa preocupada é o clima, vamos conseguir aproveitar nesse período?

    Muito Obrigada

  8. Tânia disse:

    Olá novamente :) Eu costumo acompanhar o blog, mas não tenho muito o hábito de comentar por muitas vezes não ter informação suficiente para ajudar, contudo, em relação a Lisboa, e Portugal no geral estou à vontade para dar umas dicas no que precisarem! é só entrarem em contacto! :)

    Thierri Espero que faça uma boa viagem por cá!

  9. Rogerio disse:

    Oi Thaís, tudo bem?! Pode usar e abusar das infos do blog, ok?!

    Uma boa opção para os finais de semana é ficar de olho nas promoções aéreas das companhias que voam de Bristol para toda europa, como easyJet, Aer Lingus, Ryanair, Thomson, Flybe e diversas outras. Toda semana estas companhias lançam barbadas, inclusive com tickets quase de graça, onde vocè pagará somente as taxas e impostos. Digite “voos de Bristol” no Google que ele listará as cidades e companhias que fazem determinado trajeto, ok?!

    Outras boas pedidas para os finais de semana é conhecer cidades mais próximas a Bristol, como Cardiff, Liverpool, Manchester, Glasgow, Edimburgo, Londres (claro), e destinos na Bélgica e até Paris, que estão bem próximos e facilmente ligados por trem.

    Para a semana após o final do curso, quem sabe explorar mais o sul da Europa, onde o clima poderá ser um pouco menos frio? Portugal e Espanha ótimos destinos como Lisboa, a região do Alentejo, Sevilha, Córdoba e, Málaga. São cidades que escapam um pouco do inverno rigoroso da Europa.

    Outra boa pedida para esta semana é alugar um carro e circular pela Toscana, na Itália, ou pela Provença, na França. São destinos que combinam legal com o frio. Fazer Lisboa e depois circular uma semana de carro por outros destinos em Portugal também seria uma boa.

    Thaís, sugestões não faltam. Importante é vocês esquecerem o frio e montarem o roteiro de acordo com a vontade de vocês, certo? Mesmo se o frio for muito intenso, sempre haverá o que fazer, pois o que não faltam são atrações e museus bem aquecidos, hehe!

    Espero ter ajudado. Precisando, é só chamar!

    Abração!

  10. Elinôra Lima disse:

    Oi pessoal… também estamos (eu e meu marido) indo para Portugal e Espanha em março de 2012. Passaremos 20 dias.

    Iremos fazer boa parte de Portugal e Espanha de carro. Iremos subir pelo Norte de Portugal até Santiago de Compostela e depois faremos Salamanca-Madri-Toledo-Córdova-Sevilha e na volta conhecer a região do Alentejo.

    Depois pegaremos um voo de Lisboa para Barcelona e voltaremos para Natal (RN), no Brasil.

    Estamos muito ansiosos. Gostamos muito de quando viajarmos conhecer os costumes e frequentar locais nativos. Não gostamos muito só de passeios-pra-turista-ver. E como somos loucos por vinhos daremos prioridades às regiões de vinícolas, como o Douro e Sant Sadurní d’Anoia.

    Alguma outra sugestão? Lugares imperdíveis no meio desse roteiro? Obrigada pelo blog. Muitas dicas excelentes.
    Se alguém quiser dar uma olhadinha no meu, falo de gastronomia: http://www.saboreseolhares.blogspot.com

  11. Rogerio disse:

    Oi Elinôra, fantástico teu roteiro!!! E muito bom o teu blog também! Um amigo edita um blog na mesma temática que o teu, http://www.paposdegourmet.com.br, no qual costumo dar alguns pitacos, quando o texto é sobre viagens.

    Também gosto de fazer isto, descobrir novos lugares, e não apenas conferir o que todos já sabem. Ainda mais quando o assunto é gastronomia ou bebida. Prefiro nem opinar neste teu roteiro, pois me pareceu perfeito e com certeza vocês irão descobrir muitas coisas pelo caminho. Uma única sugestão seria colocar, se é que já não colocaram, San Sebástian neste roteiro e entender porque esta cidadezinha só perde para Paris em número de restaurantes estrelados pelo Guia Michelin.

    Elinôra, ótima viagem para vocês. Se puder, compartilhe conosco teu roteiro e suas experiências, ok?! E quando planejar uma viagem pelo Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, me avisa para que eu possa receber vocês!

    Abraços!

  12. Nina disse:

    Boa noite!
    Estou adorando seu site e gostaria da sua ajuda.
    Vou com meu marido em julho para Europa. GOstaríamos de ir para França, Espanha e Portugal, mas ainda não sei como vamos fazer nada. Sairemos do Brasil em 21/07 e voltaremos em 05/08. A idéia é ficar em albergue, mas não sei se alugo carro e vou passeando pelos países, se foco em cidades específicas,ou seja, SUPER DÚVIDA. O que vc recomenda?
    MUITO OBRIGADA!
    email: ninamexicana81@hotmail.com

    • Rogerio disse:

      Oi Nina,

      Um bom começo seria definir as cidades de interesse e o tempo em cada uma. Uma boa é sempre ficar, no mínimo, 3 dias quando a cidade for grande ou capital, e nas menores pelo menos uma noite ou um dia inteiro. Depois de definido isto, ficará mais fácil ver qual o melhor transporte entre as cidades, além de procurar por albergues, ok?!

      Quando tiver algo mais definido, basta comentar novamente que poderei te ajudar melhor!

      Abraços!

  13. separovicfr disse:

    Olá Thierri, Rogério, Nina e turma do site,
    Eu e minha esposa estamos numa questão similar, prestes a fechar para março/12.
    Pelas minhas pesquisas e planos está assim:

    - Lisboa = 3 dias (hotel/diária por € 50)
    - Madrid = 3 dias (hotel/diária por € 72)
    - Barcelona = 4 dias (hotel/diária por € 60)
    - Paris = 3 dias (hotel/diária por € 90)

    Todos hotéis próximos a metros estratégicos, e os voos de Lisboa para Madrid incluso na passagem Brasil-Europa (R$ 1.700 ida e volta pela TAP), voo Madrid-Barcelona e Barcelona-Paris em cias. low cost com 1 bagagem inclusa (R$ 130/trecho/pessoa).

    Meu grande problema é Paris pois sei que 3 dias é pouco, 4 dias é pouco, 5 dias é pouco… ou seja, só acima de 7, 10 dias que será recomendável. Não gostaria de sacrificar 1 dia das outras cidades e Paris continuar sendo insuficiente.

    Abraços!

  14. separovicfr disse:

    Olá novamente…

    E o meu plano B seria tirar Madrid e Paris ficaria com 5 dias …

  15. bete disse:

    Ola Rogerio estou fazendo pesquisa para viagem a Portugal e encontrei seu blog que ADOREI.
    Pretendo viajar em marco de 2013 somente a Portugal por 20 dias.
    Vou com minha irmã, nossa idade é entre 50 e 56 anos.
    Meu pedido é uma sugestão de roteiro.
    Vi que Portugal tem regiōes lindissimas , aldeias no interior, praias e enfim ficamos sem saber o que escolher.
    Você pode nos ajudar.
    Inclua por favor idéias sobre hospedagem ok?
    Abraços
    Elizabete

  16. Poli disse:

    Olá Rogério,

    Parabéns pelo seu blog, informações organizadas e claras.

    Olá, pessoal envio algumas dúvidas, pois será a minha primeira viajem pela Europa com o meu marido em fevereiro de 2013, aí pensei em começar a conhecer o velho continente por Portugal, então pensei no seguinte roteiro:

    Lisboa 5 dias (incluindo Sintra)
    Porto 4 dias

    Depois de ler algumas dicas no blog pensei em estender a viagem a Espanha aí veio a dúvida Madri ou Barcelona ? Meu roteiro mudaria para:

    Lisboa 4 dias (incluindo Sintra)
    Madri ou Barcelona 4 dias

    Gostaria de sugestões, é interessante conhecer primeiro Portugal na Europa?
    Madri ou Barcelona?

    Em fevereiro é muito frio em Lisboa? Chove? O clima pode atrapalhar o passeio?

    Qual seria a sua dica para a minha 1ª viagem ao velho mundo, se gastar muito?

    Desde já agradeço!

    Poli

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>