Cuidados para evitar a deportação ao chegar na Europa

Atualizado por em 26/04/2017

Rogerio Milani

Karoline enviou:
Rogério, meu marido e eu estamos indo para a Europa agora em março… Berlim, Amsterdã, Bruxelas, Londres, Paris, Berna e Roma. Vi a dica aqui que seria melhor começarmos por Londres. Falaram pro meu marido que é muito difícil entrar por Londres, que os ingleses adoram deportar brasileiros! O que você acha?
Abraço!
Karoline

Publicado em 01/03/2012 e atualizado em 24/09/2015

——————————————————-

Oi Karoline!

Brasileiros sendo deportados na Europa já teve seus tempos áureos, hoje a coisa está bem mais branda, já que a crise anda braba no velho continente e o que eles menos querem é perder a grana que os turistas gastarão em suas viagens. Mas a fama ainda é grande porque realmente há muitos brasileiros tentando ir à Europa para trabalhar, e com o visto de turista.

Como não é necessário visto para permanência como turista por até 90 dias nos países que fazem parte do Tratado de Schengen, cujos países não possuem fronteiras internas, e também na maioria dos outros países (vale consultar sempre o consulado do país a ser visitado para ver o que é exigido na entrada), a regra aplicada pela imigração é de que todos são suspeitos até que se prove o contrário.

Muitos deportados são por não comprovarem que terão renda suficiente para o período que ficarão passeando na Europa, outros por não terem o seguro obrigatório (cobertura de pelo menos 30.000 euros) e assim vai. Há alguns casos de brasileiros sem passagem de volta e outros que dizem que ficarão 15 dias, mas levam malas para um ano!

Em 2008, por exemplo, estudantes brasileiros que iriam participar de um congresso em Portugal foram barrados no aeroporto de Madri. Foi um protesto sem fim e até houve retaliações promovidas pelo Itamaraty aqui no Brasil. E no fim a verdade prevaleceu: os estudantes levavam 250 euros cada um para 10/15 dias de viagem, não tinham comprovantes de hospedagem e nem o comprovante da inscrição no congresso…

Há casos em que a migração verifica até o perfil do turista no facebook e twitter para ver se ele trocou mensagens com pessoas locais sobre trabalho ou permanência maior do que os 90 dias permitidos no visto de turista. Em meados de 2011 um Dj brasileiro foi deportado da Austrália pois havia combinado trabalho como Dj pelo twitter. Claro que acontecem alguns casos de abuso e arbitrariedade, e só nos resta lamentar a má sorte do turista com tudo em ordem que passa por isto…

Se vocês estiverem com a passagem de volta em ordem e dentro dos 90 dias permitidos para turistas, seguro obrigatório com cobertura para 30.000 Euros nos países que fazem parte do tratado de Schengen, comprovarem onde ficarão hospedados e também que tem grana suficiente, em espécie, cartão de crédito ou de viagem, ou travellers, o risco é praticamente zero. E esta regra vale para qualquer imigração européia.

Uma dica: se forem ficar hospedados na casa de amigos, solicitem a eles que entrem em contato com a polícia ou imigração local para fazer um documento chamado Carta-Convite, onde se responsabilizam por vocês enquanto estiverem na Europa. É uma medida que evita muita dor de cabeça e facilita, e muito, na imigração. E esta Carta Convite tem que ser original, emitida por órgão responsável, tem custo, e enviada a vocês por correio, não vale por email.

Uma última sugestão: caso queiram viajar tranquilos e sem correr nenhum risco, com a viagem toda organizada, deslocamentos internos garantidos, hospedagem reservada e em localização central de cada cidade, além de viajarem com todas informações relacionadas à segurança, clima, dinheiro, malas e diversas dicas de quem já fez muitas viagens pela Europa, recomendo a contratação de um roteiro personalizado para sua viagem pela Europa!

Abraço!

_______________________________________________________

Recomendados pelo blogueiro para uma viagem perfeita na Europa

Alugue seu carro com Rental Cars ou RentCars
Reserve seu hotel
Compre seu ticket de trem
Evite filas comprando ingressos antecipados
Organize passeios nas cidades e arredores
Reserve seu voo
Viaje tranquilo com seu seguro viagem Real Seguros, Mondial Assistance ouWorld Nomads

_______________________________________________________

banners05animado01

Tags

205 Comentários

  1. Minha esposa é cidadã italiana,mora a 3 meses na Itália sou casado a 5 anos..estou indo embora em agosto.devo na imigração dizer que estou de férias (tenho passagem de volta,carta convite,certidão casamento traduzida oficialmente,seguro viagem)..ou digo que estou indo pra ficar ??

    Comente
  2. Boa noite!
    Gente me deem uma ajuda, estou indo a Alemanha em novembro e pretendo ficar os três meses de turista, tenho seguro viagem e a passagem de volta é claro e tenho um hotel reservado por 15 dias. mas estou com uma dúvida, tenho alguns amigos la, porém não consegue a carta convite e a grana que eu tenho é pouca mas consigo me manter. Será se eu corro o risco de ser barrada?

    Comente
  3. fui para a dinamarca em setembro entrei pela espanha mas na volta nao tenho carimbo e vou viajar novamente para madrid vou para tenerife terei algum problema para embarcar ou quando chegar em madrid?

    Comente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *