Dicas de Bruxelas: onde ficar, o que fazer e onde comer na capital da Bélgica

Atualizado por em 14/09/2017

Rogério Milani

Arquitetura admirável, os melhores chocolates e cervejas do mundo e uma cidade extremamente agradável de se turistar! Escrevi algumas dicas de Bruxelas e espero que elas inspirem vocês a conhecer essa cidade incrível!

Dicas de Bruxelas_praça_Viajando bem e barato

Dicas de Bruxelas: nosso roteiro

Sempre tive vontade de conhecer Bruxelas, a capital da União Europeia e terra de cervejas maravilhosas, dos melhores chocolates do mundo e um deleite para os fãs de histórias em quadrinhos. Viajei pra lá com minha esposa Letícia, minha irmã Margarida e seu marido Sérgio e a filha deles, Bianca. Nosso roteiro de viagem foi o seguinte: Londres, Paris, Bruxelas, Bruges e Amsterdã. Em Bruxelas, ficamos três noites, de quinta a domingo – tempo que considerei bacana e suficiente para bater perna pela maravilhosa cidade e conhecer alguns lugares bem bacanas. Fomos pra lá em maio, e pegamos uma primavera mais fria do que o normal na Europa, mas nada que um casaco não resolvesse. 😉

As línguas faladas em Bruxelas são o francês, o holandês (flamengo) e um pouco de alemão. Mas se fala inglês com turistas por lá, fique tranquilo! Bruxelas é uma cidade muito bacana, mas ressalto que ela não tem o charme de uma Paris ou o movimento cosmopolita de uma Londres. Mas claro que há muito o que fazer por lá, por isso preparei este post com dicas de Bruxelas.

Já no primeiro dia, aproveitamos pra conhecer bem o belíssimo Centro Histórico da cidade e a Grand Place (praça principal), cercada por prédios cheios de detalhes e arquitetura fascinante. Caminhamos bastante procurando lugares para provar o melhor chocolate do mundo, as cervejas maravilhosas e curtir toda a história da cidade!

Dicas de Bruxelas_familia_Viajando bem e barato

Bruxelas é um lugar tão peculiar que sua “torre Eiffel” é uma molécula gigante, o Atomium, e sua “estátua da Liberdade”, um garotinho que faz xixi, o Manneken Pis. Sobre este último, já vou avisando que a escultura é pequena – essa é uma das decepções mais citadas pelos turistas que visitam Bruxelas, é só dar uma espiada nos blogs de viagem! A estátua foi construída em 1619 e é tão famosa que ganhou sua versão feminina, a Jeanekke Pis.

O Atomium foi  criado em 1958, para a Feira Mundial de Bruxelas, o Atomium é uma estrutura metálica que representa uma molécula de ferro ampliada 165.000 milhões de vezes – vale passar por lá nem que seja pra ver a estrutura de fora – foi o que fizemos.

Não acho que valha a pena alugar carro por lá – fizemos tudo a pé e utilizando transporte público, sem qualquer problema. Outros programas legais de se fazer em Bruxelas? Museu de Belas Artes (que tem um acervo dos sonhos, com o melhor time de artistas plásticos flamencos e uma enorme coleção de obras dos surrealistas do século 20, encabeçados por Magritte), a Mini Europa (especialmente se você viaja com crianças) e a Catedral de São Miguel e Santa Gúdula.

Dicas de Bruxelas_Atomium_Viajando bem e barato

Dicas de Bruxelas: onde ficar

Opção econômica

Hotel Pantone – Oferece quartos a um preço bem justo e bem localizado – fica em Saint-Gilles, a cinco minutos de caminhada da badalada Avenida Louise. Cada quarto tem uma decoração diferente, baseada na famosa cartela de cores da Pantone, e o staff costuma ser bem simpático – li até uma avaliação no Booking de um usuário que disse que tentaram falar em português (!) com ele. 🙂

Dicas de Bruxelas_Pantone_Viajando bem e barato

Max Hotel – Baratésimo e muito bom, bem moderninho e funcional…. Os quartos tem design minimalista e o hotel possui quiosques de check-in e check-out, o que facilita a vida dos viajantes que estão com pressa. O Max Hotel está a 200 metros da estação de metrô Rogier e do shopping center City2. Você pode ainda chegar à estação norte de Bruxelas e à Grand Place (praça central) em 10 minutos a pé.

Opção valor médio

Chez Esmara Et Philippe Fourche – Alguns dos quartos possuem comodidades como um espaço maior, com sala de estar e cozinha equipada, e fica muito bem localizado, perto da estação de metrô De Brouckère e a 100 metros da Grand Place. Além disso, o WiFi gratuito está disponível em todas as áreas.

Appartement Grand Place – Como na dica de hospedagem acima, algumas acomodações oferecem sala de estar e terraço, para viajantes que querem mais espaço em sua estadia por Bruxelas. Algumas unidades também oferecem cozinha equipada e o apartamento acomoda até quatro pessoas. Confortável e acessível!

ibis Hotel Brussels off Grand’Place – O ibis é o mesmo em qualquer lugar do mundo: o básico do conforto a um preço acessível e bem honesto. O hotel está localizado a apenas 150 metros da Grand Place (praça central) e da estátua Manneken Pis, bem no centro histórico de Bruxelas. A Estação de Trem Bruxelas – Central e o bairro de compras Rue Neuve estão a 5 minutos a pé.

O Klayton e a Mariana, clientes dos roteiros personalizados do blog, indicam o Boutique Hotel Saint-Géry em Bruxelas. “Um hotel fantástico, numa quadra com vários barzinhos… Todo o staff era muito educado e atencioso, além do hotel oferecer quartos muito confortáveis. Neste hotel, aliás, cada quarto é assinado por um arquiteto diferente, o que torna a experiência mais legal ainda!”, disseram.

Dicas de Bruxelas_dica Klayton_Viajando bem e barato

Opção alto padrão

Hotel Le Plaza Brussels – Com teto alto e tapeçarias luxuosas, o Le Plaza está situado em frente à área de compras da Rue Neuve e a 2 estações de bonde da animada Grand Place (praça central). O hotel inclui um teatro de estilo mouro tombado como patrimônio histórico, WiFi gratuito em todas as áreas e uma academia.

Hotel Crowne Plaza Brussels – Le Palace – Localizado a menos de 100 m da rua de compras Rue Neuve e a 15 minutos a pé da Grand Place (praça central), o Art Nouveau Hotel Crowne Plaza Brussels – Le Palace é um hotel ecológico que oferece WiFi gratuito e ilimitado, um restaurante no local e uma academia.

Royal Windsor Hotel Grand Place –  Este hotel luxuoso no centro de Bruxelas está a 2 minutos a pé da Grand-Place (praça central) e da Estação Central de Bruxelas. Oferece acesso gratuito à academia e à sauna.

Hotel Metropole – Este hotel Art Déco, datado de 1895, situa-se no centro histórico de Bruxelas, a 10 minutos a pé da Grand Place (praça central) e da Estação Central de Bruxelas. As escadas são de mármore, as bebidas do frigobar são gratuitas e a sala de refeições tem o mesmo layout e design do Templo de Akshardham, na Índia. Um luxo só!

Dicas de Bruxelas_Metropole_Viajando bem e barato

Dicas de Bruxelas: onde comer e beber

Em Bruxelas, come-se e bebe-se bem por um valor bem acessível. Costumávamos fazer lanches durante o dia, e somente uma refeição fora de “casa” pra economizar. E tomar algumas cervejinhas durante o dia, afinal, o local pedia! Hehe 🙂

Confira algumas dicas de lugares legais para comer e beber por lá:

La Kasbah – Comida marroquina da melhor qualidade, num restaurante com decoração linda! As lanternas marroquinas dão um toque romântico e, depois de um dia inteiro tomando cerveja, cai bem uma comida mais “substanciosa”. 🙂

Delirium Cafe – Ele é tão famoso que tem franquias no mundo todo – até mesmo no Brasil! Não espere um lugar silencioso, é um dos bares mais movimentados da cidade e um ótimo lugar pra experimentar cervejas diferentes! Deixo só essa foto da carta de cervejas do local, com preços de chorar de tão baratos para cervejas de tamanha qualidade! E a carta tem mais de 1.000 cervejas!

Dicas de Bruxelas_carta_Viajando bem e barato

Lune de Miel – Restaurante de culinária vietnamita delicioso! Fique atento e pergunte o quão apimentados são os pratos, os menus costumam não ter esta informação, mas os garçons podem te ajudar na escolha. Uma boa pedida é o frango com gengibre.

Less Filles a Maman! – Bom serviço, ótimas cervejas e lugar bem simpático! Muita gente diz que, ali, se come o melhor hamburguer de Bruxelas – e, como está sempre cheio, reservar uma mesa é uma boa pedida!

Dicas de Bruxelas_maman_Viajando bem e barato

Brasserie Georges – Uma verdadeira instituição em Bruxelas, serve porções enormes e baratas. Ali, você encontra um ambiente descontraído e pratos simples, mas bastante saborosos – não é a toa que é famoso e tradicional!

Paul – A padaria e casa de chá tem filiais por toda a Europa, e é um ótimo lugar pra comprar pães e lanches para uma refeição boa e barata no seu hotel ou bed & breakfast. Também tem sanduíches e tortas deliciosas. E, na hora do almoço, você pode comer o combo salada, bebida e sobremesa por 15 euros, ou uma torta salgada+salada/bebida/sobremesa por 13,50 euros.

Dicas de Bruxelas_Paul_Viajando bem e barato

Houtsiplou – Hamburguer delicioso e bem baratinho! Ambiente moderno e atendimento bem bacana, um lugar cheio de jovens!

Le Perroquet – Sempre cheio, fica perto da praça Sablon, bem famosa entre os turistas.Ali, você pode saborear saladas e pitas, para um jantar bem leve e delicioso!

Dica de bate-e-volta: Louvain-La-Neuve

No domingo de manhã, alugamos um carro e fomos conhecer o museu dedicado ao artista Hergé, criador do Tintin. Para quem quiser fazer o mesmo, indicamos alugar carro pela RentCars e Rental Cars, duas empresas super confiáveis e com boas taxas. Se você quiser, pode ir de trem também – confira os horários no site da SNCB.

A cidade de Louvain-la-Neuve é surreal de tão organizada e bonita – é uma cidade universitária projetada à perfeição e um lugar bastante tranquilo. Chegamos em meia hora de viagem e fomos ao Museu direto. Passamos quatro horas lá dentro – eu quis ouvir todas as explicações das obras e, ao todo, o artista criou mais de 200 personagens além do Tintin, então o museu é um mergulho no seu universo vasto de criação. Eu sempre gostei do personagem Tintin, então amei o museu, um prato cheio para qualquer fã de quadrinhos.

Dicas de Bruxelas_Museu Hergé_Viajando bem e barato

Seguro de viagem obrigatório

Não utilizamos em nenhum momento, mas temos um post bem bacana sobre esse assunto – como contratar, sua obrigatoriedade e dicas.

Se você quiser, pode ler também nossos outros posts do local: o primeiro é o passeio que fizemos de Bruxelas a Bruges: um roteiro com diversas atrações e ótimas cervejas trapistas na Bélgica. Para quem se interessa por histórias em quadrinhos, aqui tem um roteiro para desbravar Bruxelas, a capital dos quadrinhos.

___

Recomendados pelo blogueiro para uma viagem perfeita
Alugue seu carro com Rental Cars ou RentCars
Reserve seu hotel
Compre seu ticket de trem
Evite filas comprando ingressos antecipados
Organize passeios nas cidades e arredores
Reserve seu voo
Viaje tranquilo com seu seguro viagem Real Seguros, Mondial Assistance ou World Nomads
Serviço de câmbio confiável e com boas taxas, com desconto para leitor do Viajando: Confidence

___

banners05animado01

Tags

Trackbacks/Pingbacks

  1. Dicas de hospedagem na Bélgica - testadas e aprovadas pelos clientes da consultoria - Viajando Bem e Barato | Dicas e roteiros de viagem - […] em Bruxelas com minha família e adorei a experiência – confira aqui um post com muitas dicas de Bruxelas:…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *