Roma em quatro dias: os pontos turísticos, a gastronomia e o lado B da cidade

Publicado por em 02/12/2016

Rogério Milani

Roma é um museu a céu aberto e uma cidade incrível de se estar em qualquer época do ano… Curtimos quatro dias por lá em outubro e aproveitamos para conhecer algumas atrações mais “lado B” da cidade, além de comer e beber do bom e do melhor! 

roma-em-quatro-dias_dest_viajando-bem-e-barato-2

Roma em quatro dias

Depois de um dia perfeito em Lisboa e Sintra, nosso novo destino nessa viagem foi Roma… Já estivemos lá outras vezes, mas a cidade é um dos nossos destinos favoritos no mundo! A história, gastronomia, a arquitetura, os vinhos, a simpatia dos italianos – tudo nos encanta e nos faz sempre querer voltar!

E, se viajar pra Roma está nos seus planos, acesse nosso guia completo sobre a cidade e também este post, com dicas de hospedagem na cittá.

DIA 1

Chegamos em Roma às 12h50min e logo partimos para nossa “casinha romana”, a Piazzetta Al Colosseo, da brasileira Adriana, parceira do blog há anos. O apartamento dela fica pertíssimo do Coliseu e é uma excelente pedida pra quem quer caminhar bastante, exatamente como a gente fez nesta viagem! A Adri nos recebeu com o carinho característico, é sempre bom rever os parceiros do blog, papear e planejar novas ideias! 🙂

Logo, saímos para caminhar por Roma: passamos pelo Forum Romano, Coliseu, Palatino… Como já eram quase 16h, começou a bater aquela fome e decidimos comer no La Baguetteria, que ficava no caminho pra Piazza Navona. Botamos o olho numa portinha, entramos e fomos super bem atendidos – e eles montam na hora o sanduíche que você quiser e por 3 euros! Um achado!

roma-em-quatro-dias_montagem-01_viajando-bem-e-barato

A Piazza Navona estava super lotada (sempre!) mas adoramos estar lá novamente pra sentir a movimentação dos turistas na cidade. Dali, partimos para a Dom Nino, para tomar um sorvete – fica bem ao lado do Panteão e é INCRÍVEL! Provamos um cannolo crema di pistacchio que foi uma das melhores coisas que comemos na Itália! Aliás, a dica em relação a gelato italiano é: coma nas sorveterias menores!

Depois do doce, fomos ver os outros jogar moedinhas na Fontana di Trevi e conferir de pertinho como ela ficou depois da reforma – está linda, tinindo de nova. Ficamos ali uns 30 minutos conversando e observando a dinâmica da multidão de turistas, sempre muito legal!

roma-em-quatro-dias_montagem-02_viajando-bem-e-barato

Nosso primeiro dia em Roma foi um dia de muita caminhada para redescobrir seus encantos, suas ruelas, entramos em alguns armazéns… Que cidade fantástica! Somos apaixonados por Roma – impossível não sermos! 🙂 Depois de tanto bater perna, decidimos jantar no ótimo Naumachia, que fica bem à frente da Piazzetta Al Colosseo. A comida é dos deuses – eu pedi uma pizza e a Leti escolheu essa burrata con pomodori e rucola aí da foto. A produção da fabulosa burrata é deles mesmo e o local foi um baita achado – dica da Adri, claro! 🙂

roma-em-quatro-dias_montagem_viajando-bem-e-barato

DIA 2

Nosso segundo dia foi dedicado a explorar uma Roma diferente do que conhecíamos – queríamos ver o “lado B” da cidade. Por isso, pedimos para nossa amiga Leda, que mora na cidade há mais de 20 anos, para nos mostrar uma Roma mais moderna, contemporânea. Queridíssima, ela nos levou para admirar a vista de um dos terraços mais lindos de Roma, com uma vista da cidade pra ninguém botar defeito. Este local chama-se Giardino degli Aranci (Jardim das Laranjeiras), e é um dos cenários do filme “A Grande Beleza”! Nós fomos de carro, mas tem quem faça esse passeio à pé – da Piazzetta, por exemplo, demoraríamos 20 minutos caminhando até lá, dava pra ter feito o trajeto caminhando tranquilamente!

Depois disso, fomos ao EUR, um bairro que se reconhece facilmente pelo seu estilo arquitetônico único! O EUR é um complexo urbanístico projetado e construído a partir dos anos 1930, idealizado pelo ditador Mussolini e um passeio bem diferente pra se fazer em Roma!

Ficamos duas horas caminhando pelo EUR até decidirmos almoçar em um local que também foi indicação da Leda, o Checco Delle Scapicollo, com uma ótima relação custo-benefício! Para comer como um romano fugindo das armadilhas turísticas! A Leti me confidenciou que essa foi a melhor massa que ela comeu em toda a vida – olha que responsa!

roma-em-quatro-dias_montagem-04_viajando-bem-e-barato

Depois desse dia de uma Roma mais moderna, voltamos para a Piazzetta para explorar mais seus arredores. Ficamos curtindo uma pracinha que tem perto do Coliseu super frequentada por romanos, cheia de crianças brincando muito! Perfeito pra dar uma desligada da vida e curtir a movimentação num dolce far niente… E, à noite, fomos jantar na casa do Carlo, o simpaticíssimo noivo da Adriana, da Piazzetta, com um casal de amigos – ela é brasileira e ele de Bangladesh, super simpáticos e, logo, estarão aparecendo mais aqui no blog como novos parceiros do Viajando em Roma com a empresa de turismo que eles tem… . Foi simplesmente demais!

roma-em-quatro-dias_montagem-05_viajando-bem-e-barato

DIA 3

Depois de percorrer os pontos em Roma que são verdadeiros museus históricos a céu aberto, dar um pulo a uma galeria especializada em arte contemporânea faz a visita à cidade ficar ainda mais interessante. O Maxxi já é moderno a partir da sede, desenhada pela premiada arquiteta Zaha Hadid. O museu é dedicado a arte e arquitetura, mas cinema e fotografia também têm espaço nas salas de exibição.

Depois disso, bateu a fome e fomos provar a Pinsa Romana da Dona Vicenza, do Pinsa ‘m Po – onde ela trabalha com os dois filhos! A Pinsa é uma espécie de focaccia feita com massa à base de farinha de arroz e soja, muito gostoso! Baita dica de lanche, fica bem pertinho da Maison Vaticana, para onde estávamos indo visitar a Gi, parceira do blog!

Ainda no caminho pra Maison Vaticana, resolvemos entrar no Panino Divino, onde fomos recebidos pela simpaticíssima Manuela. O lugar que serve snacks típicos italianos com uma ‘pegada’ gourmet numa rua perpendicular à Via Ottaviano. Adoramos conversar com ela, que também nos deu várias dicas de programas gastronômicos para fazer pela Itália! No Panino Divino, nós provamos a porchetta di toscana enquanto bebíamos um brunello di montalcino… E estava simplesmente espetacular! Super indicamos o local prum lanche típico italiano em Roma!

roma-em-quatro-dias_montagem-06_viajando-bem-e-barato

Depois de conhecer estes lugares incríveis, chegamos até a Maison Vaticana pra bater um papo com a Gisele e o Antônio, que também são parceiros de longa data aqui do blog! Os dois nos levaram até a Amalfi Ristorante e Pizzeria, onde comemos uma tradicional pizza napolitana! O local também fica bem pertinho da Maison e, além da pizza incrível, é muito bom rever essas pessoas maravilhosas! Uma boa dica para quem vai comer pizza é pedir uma pra três pessoas – dá tranquilamente dependendo da sua fome – e também provar o vinho em taça!

Depois do jantar e de muito bom papo e vinho, pegamos o metrô na estação Ottaviano e demos uma boa caminhada pela Piazza di Spagna – afinal, Roma é uma de dia e muda completamente à noite. É muito bom conferir a diferença da movimentação e a escadaria até a igreja Trinità dei Monti estava cheia de turistas querendo tirar fotos, apesar da chuva! Aliás, outra boa dica: leve sempre uma sombrinha na sua mala de viagem – compramos vários guarda-chuvas praticamente descartáveis em Roma – duravam um dia só!

roma-em-quatro-dias_montagem-07_viajando-bem-e-barato

DIA 4

No nosso último dia em Roma, escolhemos caminhar bastante pela região de Prati, do Vaticano e do Castelo de Sant’ Angelo! Em frente ao castelo, a ponte Sant’ Angelo é linda, cheia de significados e história. Mais um deleite arquitetônico de Roma! Decidimos passar o último dia na cidade caminhando – não entramos no Castelo desta vez mas, como já estivemos lá em outra ocasião, o passeio vale à pena!

Outra coisa que eu e a Leti curtimos fazer : quando estamos viajando, a gente gosta de passear nas feirinhas de rua! Essa fica pertinho da Piazza Navona, no caminho para o Trastevere, e ali aproveitamos para experimentar frutas, verduras, queijos, prosciutto… Adoramos provar comida fresca e viver uma experiência mais “local”! Além disso, se você quiser economizar, a boa pedida é comprar a comida fresca ali na feira e levar pro local de hospedagem e improvisar uma refeição…

Depois, fomos ao Trastevere, um dos meus lugares favoritos de Roma! O bairro é uma ótima pedida para passear de dia ou à noite e tem muitas opções de bares, restaurantes, cafés, música ao ar livre e a presença de locais. Inclua esse passeio no seu roteiro à Roma – sempre vale a pena estar ali, seja de dia ou para comer e beber algo à noite – imperdível!

roma-em-quatro-dias_montagem-08_viajando-bem-e-barato

Depois de passarmos pela bela Ponte Garibaldi (claro que tive que tirar uma foto!), decidimos que era hora de comer. Decidimos voltar no Naumachia, lugar que fica bem pertinho da Piazzetta e onde já havíamos estado. Comemos mais uma vez como reis (a massa de lá é simplesmente fabulosa), e o mais legal foi que pudemos interagir bastante com os italianos que ali estavam. Aliás, os italianos adoram sugerir comida pra você em restaurantes, por isso sempre digo aos clientes da consultoria que aprendam pelo menos um pouco de italiano antes de ir à Roma: os italianos de lá adoram ajudar, conversar e interagir com turistas. O restaurante é bem pequeno e estar lá novamente foi mais uma experiência incrível!

roma-em-quatro-dias_montagem-09_viajando-bem-e-barato

É chegada a hora de nos despedirmos de Roma e, na estação Termini, pegar o trem para Veneza… O que será que vem por aí? Semana que vem tem mais posts dessa viagem incrível que fizemos em outubro por Lisboa, Sintra, Roma, Veneza e Florença! Até lá! 🙂

____

Recomendados pelo blogueiro para uma viagem perfeita
Guias, transfers, hospedagens e outros serviços para uma viagem tranquila e segura
Alugue seu carro com Rental Cars ou RentCars
Reserve seu hotel
Compre seu ticket de trem
Evite filas comprando ingressos antecipados
Organize passeios nas cidades e arredores
Reserve seu voo
Viaje tranquilo com seu seguro viagem Real Seguros, Mondial Assistance ou World Nomads
Serviço de câmbio confiável e com boas taxas, com desconto para leitor do Viajando: Confidence

_____

banners05animado01

Tags

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *