Nossas melhores dicas para viajar para Mendoza – post índice

Atualizado por em 14/09/2017

Rogério Milani

Depois de passar três dias conhecendo as vinícolas desta região, preparei um post com ótimas dicas para viajar para Mendoza – planeje já sua viagem pra lá!

Dicas para viajar para Mendoza

Nossa viagem para Mendoza – dicas de enoturismo e o melhor da gastronomia e hotelaria da região

Estive em Mendoza neste outono com minha esposa Letícia e um casal de amigos e nossa viagem foi absolutamente inesquecível! Conhecemos algumas bodegas, tivemos algumas experiências gastronômicas inesquecíveis e nos hospedamos em dois lugares incríveis – leia tudo nos links abaixo:

Dia 1passeio pelas bodegas Monteviejo, O.Fournier, dicas de hospedagem e transporte entre as vinícolas e jantar no Siete Fuegos.

Dia 2passeio pelas vinícolas Bodega The Vines e El Enemigo, dica de hospedagem no centro de Mendoza e jantar no ótimo Orégano.

Dia 3no último dia de viagem, conhecemos as bodegas Séptima e Ruca Malén, além de jantar no premiado Azafrán.

Visita às vinícolas

Para quem planeja visitar Mendoza para degustações e almoços nas vinícolas, ou bodegas, importante SEMPRE agendar horário de visita e também reservar o almoço ou jantar. A procura é sempre muito grande e muitas bodegas estão super longe de Mendoza, não valendo a pena correr o risco de chegar lá e dar de nariz na porta. Todas bodegas cobram por degustação e muitas oferecem tipos diferentes e também qualidades diferentes de vinhos para degustação. Com isto, para quem quer apenas provar bons vinhos, não há a “necessidade” de comprar os produtos da bodega.

Cuidados com a bagagem

Se você vai, como a gente, conhecer as famosas vinícolas de Mendoza, certamente vai querer investir em algumas garrafas dos vinhos produzidos por lá, então, aqui vão algumas dicas preciosas para você estar pronto para este transporte sem surpresas:

– O limite de bagagem por pessoa é de 23kg por pessoa e você paga até 70 pesos por quilo excedido, então, fique de olho no peso da mala. Dica: uma caixa com 12 garrafas pesa em média 15kg.

– As lojas e vinícolas normalmente embalam bem os vinhos, deixando tudo pronto para o turista colocar numa caixa de isopor, que seria a forma mais recomendada de transportar as bebidas até o Brasil.

– Outra indicação é proteger sua mala com aquelas embalagens plásticas no aeroporto – embalar a mala custa 150 pesos no aeroporto.

Dicas para viajar para Mendoza

Esportes de aventura

Parque Provincial Aconcágua

Na Cordilheira dos Andes, a 6.962 metros de altitude, a “sentinela de pedra” – como é conhecido o monte Aconcágua – é tão imponente que parece mesmo tomar conta de toda a província… Passeio obrigatório para quem gosta de belas e imponentes paisagens e também de fazer trekking ou escalada – mas tem que ter experiência para escalar esta montanha, que é uma das mais perigosas do mundo!

Se você curtiu a dica, fique atento para um detalhe importante: o parque permanece fechado na maior parte do ano, justamente devido à alta periculosidade das trilhas. Geralmente, está aberto entre os meses de novembro e fevereiro, mas a data exata varia todos os anos por causa dos invernos mais ou menos rigorosos. O mirante segue as mesmas restrições. Por isso, fora de temporada, só é possível ver o Aconcágua da estrada. E ainda assim ele é grandioso!

Vá lá:
Endereço: RN7 10, Mendoza, Argentina
Horários: de segunda a domingo, das 9h às 18h
Telefone: +54 261 425-8751
Site

Dicas para viajar para Mendoza

Rafting em Potrerillos

Pelas águas geladas do Rio Mendoza, entre as montanhas da pré-cordilheira, você poderá fazer o rafting, um esporte que está entre os preferidos dos turistas que visitam a região. A paisagem é belíssima – várias empresas fazem este passeio por lá e logo abaixo vamos indicar as melhores. Potrerillos fica a cerca de 60 km do centro de Mendoza e a 15 km das estradas do vinho. Por lá se encontra alojamento, gastronomia, reservas naturais, lojas de esqui e tudo o que precisa para ter uma super experiência de aventura!

A vantagem desse passeio é que ele vai além da descida pelas corredeiras: no chamado ponto de apoio você poderá fazer também passeios de caiaque, canopy, cavalgada e até tomar sol nas espreguiçadeiras, só curtindo a bela paisagem! Aproveite e dê uma folga às bodegas para ter um intenso contato com a natureza!

Vá lá:
Endereço: Ruta Nacional 7, Potrerillos , Mendoza

Dicas para viajar para Mendoza

Empresas que realizam estes passeios

A Simone, da excelente agência de viagens Lear Travel (parceira de muitos anos aqui do blog), selecionou algumas empresas que são de total confiança e prestam um ótimo serviço para quem quer fazer passeios de aventura na região de Mendoza. Confira:

Cavalgadas: Kahuak

Trekking: Trekking Travel  e Kahuak

Rafting: Argentina Rafting 

Parapente: Kahuak e Mendoza Parapente

Escalada: Andes Vertical 

Dinheiro

O que levar em dinheiro para a Argentina – dólares, pesos ou reais? Nas minhas idas para lá, o dólar sempre valeu mais a pena. Mas ter notas de peso sempre é importante também. Não se esqueça: em Mendoza (e em toda a Argentina, na verdade) é educado deixar 10% de gorjeta (chamada lá de propina) para garçons, motoristas de táxi, carregadores de malas… Tenha sempre uma quantia de pesos em dinheiro trocado já quando sair do aeroporto para deixar ao taxista.

E desde de janeiro de 2017, podemos contar com a isenção do IVA (imposto de valor agregado, o equivalente ao nosso ICMS) nas diárias de hotel na Argentina pagas por visitantes estrangeiros (com cartão de crédito, cartão de débito ou por meio de agência de viagem). O imposto que incide sobre diárias de hotel é de 21% e, pagando com cartão de crédito, débito ou pré-pago internacional, porém, o hóspede estrangeiro recebe o desconto automaticamente, na maquininha. Com o desconto, a conta do hotel vai ficar 17% mais barata.

Ou seja: se tudo já estiver funcionando direitinho, não vale mais a pena pagar hotel em dinheiro vivo. Nos 2 hotéis nos quais ficamos em Mendoza e um em Buenos Aires deu tudo certo e tivemos o desconto no IVA. A economia de 21% mais do que compensa o IOF de 6,38% dos cartões de crédito, débito e pré-pagos brasileiros (e até mesmo uma eventual variação cambial).

O desconto vale apenas para diária e café da manhã em hotéis; apartamentos de temporada estão fora da medida. Despesas extras em hotéis — como almoço, jantar, massagens ou consumo do frigobar — continuam pagando IVA de 21% e devem ser faturadas separadamente.

Dicas para viajar para Mendoza

Transporte

Na nossa viagem para Mendoza, contratamos o transporte da Traslados Mendoza. Adoramos o atendimento deles, que são pontuais e muito prestativos –  indicamos muito o serviço. A empresa tem uma frota de onze carros e quatro vans com adega (uma facilidade exclusiva da empresa). O serviço é sempre com carro privativo que fica à disposição o tempo tudo só para os clientes e nosso motorista, o Luciano, era superbacana! O preço da empresa, ao contrário do que possa parecer, também foi um grande diferencial – e pode ser pago em reais, pesos ou dólares.  Pra você ter uma ideia, para conhecer o Valle de Uco, o serviço custa US$ 180  e para conhecer a região de Maipu, US$120, valor para 2 pessoas.

Contatos:
Traslados Mendoza  
Telefone: +54 9 261 3416397 (também WhatsApp)
E-mail: [email protected] e [email protected]
Facebook

Instagram

Clima

Antes de viajar para esta região, recomenda-se que você fique de olho no clima. Em Mendonza e nas áreas de vinícolas, a melhor forma é pesquisar neste site. Para saber como está o clima na Cordilheira, dê uma espiada aqui.

Dicas para viajar para Mendoza

Programação cultural

Nesse link você poderá olhar a agenda de turismo da cidade de Mendoza cada mês.

Roteiros personalizados

Se você quiser ajuda especializada para montar sua viagem à Mendoza, fazemos roteiros de viagem desde 2013 pra você viajar despreocupado! Dentro do seu orçamento inicial, encontramos as melhores opções de hotel, transporte, passeios e ingressos para você viajar com toda a liberdade e autonomia – conheça mais sobre este serviço e leia depoimentos de quem já contou com a nossa ajuda para ter uma viagem inesquecível!

Dicas para viajar para Mendoza

Seguro viagem

O seguro viagem não é obrigatório para quem viaja à Argentina, mas contratamos mesmo assim para viajar tranquilos. Se você está pensando em viajar pra conhecer o país, confira este post sobre o seguro viagem e dicas.

____

Recomendados pelo blogueiro para uma viagem perfeita
Guias, transfers, hospedagens e outros serviços para uma viagem tranquila e segura
Alugue seu carro com Rental Cars ou RentCars
Reserve seu hotel
Compre seu ticket de trem
Evite filas comprando ingressos antecipados
Organize passeios nas cidades e arredores
Reserve seu voo
Viaje tranquilo com seu seguro viagem Real Seguros, Mondial Assistance ou World Nomads
Serviço de câmbio confiável e com boas taxas, com desconto para leitor do Viajando: Confidence

_____

banners05animado01

Tags

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *